Pesquisar

26/05/2013

Conheça os acessórios mais bizarros dos games


Resident Evil 4 Chainsaw Controller. Este controle customizado para PS2 foi fabricado pela NubyTech como homenagem aos fãs de Resident Evil 4. A corda acoplada ao controle pode ser puxada (simulando a ligação da motoserra) para iniciar o jogo.










Power Glove

Este periférico para NES foi muito criticado por ser impreciso e ter controles "duros", mas foi o primeiro experimento a recriar movimentos de mão em um jogo de videogame.

Bubble Helmet

Compatível com PCs e consoles, este enorme e desengonçado capacete feito pela Toshiba projetava vídeo numa superfície curva dando ilusão de visão em 360 graus aos jogadores. A imagem seguia os movimentos da cabeça - processo que devia ser lento e penoso, já que o capacete pesava três quilos.

PediSedate

Este headset feito para Game Boy foi projetado para sedar crianças que estivessem no dentista. Basicamente, o PediSedate era colocado no jovem que estava para ser operado e enquanto ele jogava um game, também inalava aos poucos óxido nitroso para dormir.

Singer Izek

Feita para Game Boy, esta máquina de costura podia ser conectada ao portátil e então obedecer a padrões de bordado configurados por meio de cartucho próprio para a atividade. Além de contar com 84 padrões prontos, era possível criar os próprios desenhos.

Game Boat

Este acessório foi vendido como o primeiro "periférico" para Kinect. Curiosamente, ele não tem nenhuma ligação direta ao game. É apenas um pequeno bote salva-vidas para colocar no centro da sala e ajudar a imaginação nas corredeiras de Kinect Adventures.

Finger Dance Mat

Para os fãs de Dance Dance Revolution treinarem, esse modelo e outros genéricos davam a oportunidade dos jogadores memorizarem sequências antes com os dedos e ter melhor desempenho posteriormente com os pés.

Blue Slime Controller

Esse controle customizado para PlayStation 2 homenageia o mascote do RPG Dragon Quest. Não parece ser muito anatômico, mas certamente os fãs da série apreciaram.

Sega Action Chair

Essa cadeira, feita pela Sega para Mega Drive e compatível com jogos de Master System, transpõe os botões do console para o local onde o jogador apoia as mãos. O direcional era a cadeira em si, portanto se o jogador se movesse para a direita, seu personagem também seguiria essa direção.

Segundo o site info

Produtos em destaque no site

Veja nossas sugestões de produtos