Pesquisar

24/11/2015

O estranho ritual de acasalamento da Aranha Pavão Vídeo

Esta aranhinha mede pouco menos de 5 milímetros, mas desempenha um dos espetáculos mais alucinantes da natureza.













Muitos animais se esforçam bastante para impressionar os seus parceiros. Os leões têm grandes jubas, os veados hastes imponentes, e muitas aves têm cantos e danças bastante elaboradas para convencer o companheiro do sexo oposto, quase sempre a fêmea, de que são o homem das suas vidas. O exemplo mais conhecido, popularizado por inúmeros documentários e livros, é o do pavão, a majestosa ave indiana cujo colorido macho eleva as compridas penas da “cauda” (na realidade são penas que crescem do dorso) para criar uma exibição para conquistar as fêmeas.




Em uma floresta no sudeste australiano, próximo a Sidney, vive uma espécie de aranha que provavelmente não causa medo em ninguém: a Maratus volans, também conhecida como aranha pavão.
Pequena (o macho tem cerca de 4mm de largura), essa espécie tem um curioso ritual de acasalamento, que foi documentado pela primeira vez pelo cinegrafista Jürgen Otto. O macho expande um par de abas coloridas e levanta duas pernas, e então dança em frente à fêmea, descreve. O abdômen colorido ajuda a chamar a atenção e, com sorte, conquistar uma parceira. Se a fêmea não gostar, porém, o macho corre o risco de se transformar em refeição.




Vídeo: Peacock Spider

Novidades

Produtos em destaque no site

Veja nossas sugestões de produtos