Mãe e bebê sobrevivem após serem atropeladas por ladrões que fugiam da polícia

Mãe e bebê sobrevivem após serem atropeladas por ladrões que fugiam da polícia
O vídeo mostra a mãe sendo arrastada por vários metros. Os ladrões, entre eles um adolescente de 17 anos, foram presos.

Uma mulher e sua filha de sete meses sobreviveram sem ferimentos graves após serem atropeladas por ladrões que fugiam da polícia de San Martín, na província argentina de Buenos Aires. A bebê foi salva por um menino de 15 anos.



Imagens registradas pelas câmeras de segurança da cidade mostram o momento em que a mãe, Roxana López, de 33 anos, e a bebê Mía são lançadas para o alto com o impacto do automóvel. As duas parecem voar sobre o teto do carro.

O vídeo mostra ainda Roxana sendo arrastada por vários metros. Os ladrões, entre eles um adolescente de 17 anos, foram presos.
O fato ocorreu no dia 26 de janeiro, mas as imagens foram reveladas apenas no último fim de semana.
"Eu estava no meio-fio, com Mía nos braços e outros quatro filhos, esperando o sinal abrir. Tínhamos saído para comprar fraldas. Depois não me lembro de mais nada", disse a mãe à imprensa local.
Roxana passou poucas horas no hospital e a bebê ficou internada, mas fora de perigo, segundo a imprensa local.

As imagens da fuga não captaram o momento em que Mía caiu de cabeça no chão e foi socorrida por Juan Cruz, de 15 anos, filho de bombeiro.
"Ela não respirava, estava dura e tinha um machucado na testa. Coloquei minha camiseta abaixo da cabeça dela, como se fosse uma almofada, e comecei a fazer a reanimação cardiorrespiratória", contou o adolescente.
O jovem narrou ainda o momento em que Mía reagiu aos seus primeiros socorros. "Ela começou a chorar. Foi a melhor cena que já vi", disse.

Os ladrões desistiram da fuga quando bateram em outros dois carros. O veículo tinha sido roubado de um homem de 61 anos na porta de uma loja.
O adolescente que salvou Mía ganhou, na segunda-feira, uma bolsa de estudos da Prefeitura de San Martín para que conclua a escola e estude para ser bombeiro voluntário.
"Sempre sonhei em ser bombeiro, levo esse sonho no sangue", disse Juan Cruz, de acordo com comunicado da prefeitura.



Fonte: bol  Fotos: Divulgação

0 Response to "Mãe e bebê sobrevivem após serem atropeladas por ladrões que fugiam da polícia"

Postar um comentário

Produtos em destaque no site

Promoções imperdíveis!