Pesquisar

23/12/2017

A atriz Talita Younan está roubando a cena em Malhação

No seriado Malhação-Viva a Diferença. “Ela pratica bullying, vende remédio para emagrecer

No seriado Malhação-Viva a Diferença. “Ela pratica bullying, vende remédio para emagrecer





Depois de interpretar a romântica Domarina, na novela Os Dez Mandamentos, da Record TV, a atriz Talita Younan está feliz da vida interpretando sua primeira vilã: a K1, no seriado Malhação-Viva a Diferença. “Ela pratica bullying, vende remédio para emagrecer sem receita (o que é crime) e foi assediada pelo padrasto. Estou muito feliz em poder abordar esse assunto principalmente em um país em que o abuso sexual não para de crescer. Acho que falar sobre isso não pode ser tabu mesmo porque abuso é crime”, conta a atriz que já sofreu bullying na escola, mas não se deixou abalar por isso. Assumidamente tranquila em relação a sua vaidade, a morena, que exibe 51 kg em 1,64 m de altura, conta que nunca foi de fazer muita dieta. “Sempre comi de tudo principalmente doce e chocolate. Atualmente tenho me preocupado mais com a saúde, mantenho o equilíbrio como o que tenho vontade e claro, não abro mão do saudável. Procuro comer tudo o que quero com moderação e tento deixar as besteiras para o fim de semana, mas confesso que às vezes falho”, diz a gata que corre duas vezes por semana, faz aula de dança três vezes por semana e massagem modeladora em casa duas vezes por semana.

Diferente da maioria das mulheres que não resiste a um salão de beleza, a morena revela que tem sim algumas regrinhas básicas. “Todo dia passo protetor solar porque, além do sol tem as luzes muito fortes do set de gravação, então não deixo de usar nunca. Antes de dormir passo um hidratante no rosto e um creminho para olheira, no corpo, passo óleo misturado com hidratante após o banho. E nunca saio de casa sem perfume e máscara para cílios”. Sobre cirurgia plástica, ela diz que nunca fez e nem pensa em fazer. “Pode ser que minha opinião mude, mas, por enquanto, estou satisfeita comigo. Não tenho nada contra plásticas, pelo contrário. Se a pessoa não está se sentindo bem tem que mudar mesmo. Mas, tudo deve ser feito com acompanhamento médico e muito juízo, né? Eu acho que é muito importante a pessoa se amar. Se a plástica é usada para somar, não vejo mal nenhum. O que precisa é ter cuidado com excessos”.
No seriado Malhação-Viva a Diferença. “Ela pratica bullying, vende remédio para emagrecer




Fonte: plastica e belezaFotos: Divulgação

Novidades

Mais vendidos

Produtos em destaque no site

Veja nossas sugestões de produtos

As melhores ofertas você só encontra aqui!